Prefeito participa de reunião da Amuplam com presidente do TCE


Publicado em 19/09

Todos os prefeitos dos municípios integrantes da Amuplam estiveram no encontro

Prefeito Valdir Heck esteve em Porto Alegre nesta segunda-feira, 18, onde participou, juntamente com prefeitos da Associação do Planalto Médio (Amupla), de reunião com o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), marcos Peixoto. O encontro teve o objetivo de tratar sobre assuntos como Passivo Atuarial, atenção aos índices mínimos aplicados em saúde e educação, perdas no FPM no fechamento das contas, atraso no repasse nas áreas de saúde e transporte, custeio de transporte escolar pelos municípios, situação atual das estradas e assentamentos, UPA e Consórcios, entre outras demandas de interesse dos municípios gaúchos.

De acordo com o prefeito de Ijuí, esse é um trabalho que a Famurs está realizando com as associações regionais e com o Tribunal de Contas. A reunião de ontem, envolveu os prefeitos da Amuplam, que tiveram 100% de presença. “Foram debatidos alguns assuntos já previstos em pauta e o TCE, sob a presidência do Marcos Peixoto que conhece a vida municipal que foi deputado seis vezes e procura fazer do TCE um instrumento não apenas de penalização, mas de orientação, de ajuda para que os municípios possam realizar suas demandas, dentro da ética e dos princípios legais compatíveis, porque a legislação é muito vasta e, às vezes, você vai para um caminho e outro pensa diferente, até porque há várias interpretação e, nós temos que nos orientar. E, é isso que o TC quer para depois, se for o caso, penalizar”, pontua Valdir Heck.

Além dos assuntos pertinentes a reunião de prefeitos no TCE,  Valdir Heck aproveitou a estada na capital gaúcha para tratar de outras questões de interesse de Ijuí. Entre elas, as antigas instalações da Fepagro, cuja cedência para o município já vem sendo articulada pelo Poder Executivo há alguns meses. “O secretário Ernani Polo já havia nos assenado com a possibilidade de contar com esse imóvel. Queremos recebê-lo em forma de cedência ou como doação definitiva, porque a área já fora doada pelo município ao Estado que fez a construção do prédio”, afirmou.

Valdir Heck disse que o município já está com a planta pronta para investir na recuperação do imóvel assim que o Poder Executivo receber a autorização do Estado. “Fomos ter com a Comissão de Avaliação para que nos agilizem a transferência para o município e nós iremos agir imediatamente porque queremos dar um encaminhamento rápido à questão do canil municipal”, observou o prefeito. A ideia, segundo  Valdir Heck é dar espaço e sentido a esse patrimônio que já serviu inclusive de local para pesquisas. “Esperamos que, a partir da entrega das novas informações que nos foram feitas pela Comissão, possamos obter essa resposta e ocupara aquele local para que possamos resolver também a questão do canil. Nós temos pressa, mas na área pública, às vezes, não conseguimos dar a celeridade que gostaríamos”, pontuou